Juninho do Sindicato pede a contratação de mais médicos para o IML de Frutal

A falta de médicos especialistas nesta área tem gerado problemas não só para a população de Frutal, mas para moradores de todas cidades da região.

Publicado em: 06 de fevereiro de 2019

Na reunião ordinária do dia 4 de fevereiro, o vereador Sebastião Custódio Couto Júnior (Juninho do Sindicato) apresentou indicação em que pede mais médicos legistas para Frutal. O documento foi encaminhado a prefeita Maria Cecília Marchi Borges e ao governador de Minas, Romeu Zema. A falta de médicos especialistas nesta área tem gerado problemas não só para a população de Frutal, mas para moradores de todas cidades da região. 
 
“A gente sabe que Frutal está há dois anos com um déficit de médicos legislas em Frutal. O Dr. Hildo Carrilho se aposentou, outro médico de Planura também se aposentou e Frutal ficou sem nenhum médico legista. Com isso, quando acontecem mortes que necessitem de necropsia, as pessoas tem que se deslocar para Uberaba. O que agrava ainda mais o sofrimento pela perda do parente por parte da família”. 
 
Juninho diz que este problema é uma prioridade em seu mandato. “Nós iremos fazer uma comissão depois do carnaval e vamos até Belo Horizonte para que possamos trazer de lá uma resposta para que o nosso IML (Instituto Médico Legal) possa voltar a contar com três médicos. Esta é uma causa de toda região, mas por ser cidade pólo compete a Frutal liderar este movimento”, enfatiza o vereador.


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email