CÂMARA MUNICIPAL DE FRUTAL CONTRATA EMPRESA DE AUDITORIA FISCAL

legislativo mais transparente: a contratação da empresa Plenum Brazil, de Belo Horizonte, para realizar os serviços de auditoria fiscal em todas as contas e despesas realizadas não só neste ano, mas em anos anteriores.

Publicado em: 11 de dezembro de 2017

A Câmara Municipal de Frutal deu mais uma importante etapa rumo a um Legislativo mais transparente: a contratação da empresa Plenum Brazil, de Belo Horizonte, para realizar os serviços de auditoria fiscal em todas as contas e despesas realizadas não só neste ano, mas em anos anteriores.

A iniciativa surgiu através de um compromisso firmado pelo presidente Querino François de Oliveira Vasconcelos, no início de seu mandato. No decorrer deste ano a presidência já vinha trabalhando em parceria com o Ministério Público e a promotora Daniela Campos. Além de atuar na verificação dos gastos e serviços prestados pela Casa, o serviço de auditoria já iniciado também facilitará o trabalho de avaliação dos desempenhos dos servidores do legislativo e da própria presidência, conforme destacou o presidente.

Outro ponto positivo com a contratação da auditoria está na possibilidade melhor execução dos serviços prestados nos mais diferentes setores da Câmara – institucional, legislativo e administrativo. Segundo o Diretor Geral da Câmara, Danilo Alves, esta nova frente de trabalho auxiliará para que eventuais erros do passado não persistam nem se consolidem de agora em diante. “Nosso principal intuito é evitar e coibir problemas futuros. Queremos estabelecer padrões de funcionamento, e acreditamos que isso também seja muito benéfico para a população, pois ela terá ainda mais condições de acompanhar o nosso trabalho com clareza e transparência”, explica.

Ainda de acordo com Danilo, a partir do ano que vem a população já poderá sentir os efeitos do trabalho de auditoria. “Nossa meta é já apresentar alguns novos projetos, bem como os resultados deste primeiro diagnóstico que está sendo realizado. Vamos fazer um grande encontro para debater a questão da transparência e da mobilização da população, pois o nosso intuito não é somente mostrar que temos uma Câmara transparente – com instrumentos mais firmes no combate à corrupção, mas também estabelecer uma conexão entre o poder legislativo e a comunidade, a fim de que ela se sinta cada vez mais no direito de participar e opinar nos trabalhos desenvolvidos pelos gestores”, conclui.


Publicado por: Estagiária Lyz Pucci

Cadastre-se e receba notícias em seu email