Presidente da Câmara de Fronteira vem a Frutal para falar da redução do pedágio da BR-153

Os vereadores estiveram junto ao Ministério Público Federal em Belo Horizonte onde apresentaram representação contra a concessionária Triunfo-Concebra

Publicado em: 12 de setembro de 2017

O presidente da Câmara Municipal de Fronteira, vereador Marcelo Moraes Rodrigues, veio a Frutal na sessão desta segunda-feira, 11, para comunicar os resultados da iniciativa tomada por ele e pelo vereador Bruno Augusto, que integrou uma comissão formada também pelo vereador fronteirense Carlinhos Mamed e Euberto Mello dos Santos, de Planura.
Os vereadores estiveram junto ao Ministério Público Federal em Belo Horizonte no dia 13 de junho, quando apresentaram representação contra a concessionária Triunfo-Concebra apontando ilegalidade no reajuste das tarifas de pedágio cobradas em Fronteira.
O Tribunal de Contas da União-TCU, questionou o cálculo adotado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres-ANTT e ordenou a redução das tarifas. Com isso, o pedágio em Fronteira, que cobrava R$1,80 para a passagem de motocicleta, R$3,60 para carro e 7,20 para caminhão e ônibus, passou a cobrar respectivamente R$1,65, R$ 3,30 e R$6,60.
Segundo Marcelo Morais, a representação no Ministério Público citou que há muitos acidentes na BR-153 entre Pradolândia e próximo a Fronteira por falta de ações concretas. “Foi um reajuste de pedágio sem prestação de serviços. Vim parabenizar ao vereador Bruno e aos outros que foram conosco a Belo Horizonte e deixar a Câmara de Fronteira à disposição para lutar pelos direitos do povo, que está sofrendo. Podemos pensar que trinta centavos não fazem diferença, mas fazem.”


Publicado por: Assessoria de Comunicação

Cadastre-se e receba notícias em seu email